Blog

Plantamos na infância e colhemos na vida adulta

As crianças, são muitas vezes desrespeitadas na sua essência e rotuladas com adjectivos, que os marcam e anulam no futuro.

Quando surgem situações desafiantes entre pais e filhos, o assunto é quase sempre abordado pela perspectiva do adulto.Alguma vez, fez o exercício inverso e analisou a situação, pelos olhos de uma criança?

Sou uma verdadeira apaixonada pelo ser humano e pelas suas infinitas possibilidades. Para conseguir desenvolver um bom trabalho como decoradora, tenho acima de tudo, que conhecer e estudar o desenvolvimento humano e a forma extraordinária como nos relacionamos com os outros e com a nossa essência.

Quanto mais estudo, mais certeza tenho, de que todos os dias temos a oportunidade de fazer melhor que ontem e que é na infância que plantamos o que colhemos no futuro.

Até aos 2 anos, os recursos de comunicação usados pelas crianças, baseiam-se em algumas palavras, choro, riso e movimentações corporais. Nesta idade, não sabem o que é fingir ou manipular. Quando assistimos a uma crise de choro da criança é sinal que ela necessita, verdadeiramente de nós para a ajudar com alguma situação ou emoção.

Quem já não assistiu a alguns vídeos na Internet de crianças que parecem manipular os pais através de “birras” ou “gracinhas”! E às vezes achamos piada à forma como o fazem e torna-se viral nas redes sociais… Não, elas não estão a fingir ou manipular…o nosso olhar de adulto é que pensa assim.

Na primeira infância existe um habito errado de “rotularmos” as crianças na frente de outras pessoas…

Uma mãe fala – “Que bem comportado é o seu filho!” , e outra mãe responde “Ah isso é porque você não o conhece 🙂 é terrível, um pestinha”.

Já reparou, que para além de validar esse comportamento (que não será diferente, enquanto você o validar) não está a pensar, quais foram as ações que levaram o seu filho a comportar-se dessa forma?

Quando ele faz algo que você não gosta, poderá ser uma reação, a um desrespeito que ele sentiu:

Tirarem um objeto de forma repentina das mãos de uma criança, porque ela tem de ir comer, ou dormir por exemplo, vai consequentemente provocar a ira na criança. Se nós adultos tivéssemos esse comportamento com outro adulto, não seria desrespeito??? Há formas empáticas de conseguirmos que a criança entenda que tem de deixar a brincadeira para ir fazer outra tarefa.

Levá-la “forçadamente” a casa, de alguém, quando ela não conhece as crianças que lá estarão e depois dela naturalmente, se conseguir ambientar, falar-lhe : “temos que ir embora” (porque entretanto, você resolveu o que tinha a resolver) não será “violento” para a criança? Não será desrespeito interromper o momento de brincadeira? Nós também não gostamos de ser interrompidos, quando estamos em estado de flow , pois não?

E quando são mais crescidos, quantas vezes, não disse (ou você mesma ouviu em criança)…

“Cala-te… isto são conversas de adulto ou cresce e aparece!” Esta é uma expressão usada várias vezes por nós e que poderá diminuir a auto-estima da criança e envergonhá-la perante os outros. Se numa reunião em família, ela tenta exprimir a sua opinião em relação a qualquer assunto ou simplesmente questionar algo, dê-lhe a liberdade para o fazer. Um assunto simples, poderá ganhar uma grande dimensão e daí surgirem certos medos ou tabus e não é isso que queremos, certo?

“Vou ficar feliz se comeres tudo o que tens no prato” Usar a comida como recompensa, chantagem ou punição, passa uma mensagem negativa em relação à alimentação. Nem sempre as crianças têm o mesmo apetite, por isso devemos respeitar essas fases e evitar fazer chantagem emocional, para que no futuro não use a comida como refugio para uma emoção que não saiba gerir.

“Ele é tão giro. Quando for crescido, vai ter imensas raparigas atrás dele”. Entendo que queira valorizar a auto estima da criança no entanto, poderá leva-la a pensar que a aparência exterior é o que mais importa.

Mesmo sem nos apercebermos, passamos também a informação, de que o menino futuramente, só se poderá envolver e relacionar com pessoas do sexo feminino e criar estereótipos negativos. Um mundo sem discriminação, ensina-se na infância.

Estes são só alguns exemplos, de como interrompemos de forma bruta a liberdade da criança, desrespeitamos a sua essência e criamos (de forma inconsciente) preconceitos.

Queremos crianças conectadas à sua essência e livres para se expressarem através daquilo que elas mais necessitam para serem felizes:

Compreensão, amor e brincadeira 🙂

Nós adultos complicamos tudo, porque esquecemos que um dia também fomos crianças e que sentíamos exatamente as mesmas coisas.

Vamos “conduzir” as nossa crianças com respeito e amor , para que possam no futuro colher, o que tão gentilmente plantámos quando eram pequenos. E da próxima vez que não compreender uma atitude do seu filho, pratique a empatia e veja com os olhos de uma criança.

Feliz dia da criança!

Feliz Páscoa

kit

Este ano a celebração da Páscoa será diferente, no entanto cabe a cada um de nós, ouvir o coração e apreciar o que de bonito a vida tem, valorizar todos os segundos e sentir mais esperança.

Independentemente da religião que pratica, esta época permite-nos refletir sobre o amor e o recomeço.

Neste momento, tudo parece maior que a Vida…maior que o Amor! …mas a Páscoa trás-nos a mensagem de que há sempre um recomeço, com mais fé, força, alegria e gratidão.

Para agradecer o seu carinho, criámos um Kit para o almoço de Páscoa. Peça ajuda às crianças e viva um momento descontraído. É fácil de usar e vai fazer a diferença nos preparativos da data.

Envie uma mensagem para o nosso email e encaminharemos gratuitamente, o Kit em PDF. Esperamos que goste!

A equipa da Celebramor deseja-lhe uma Páscoa Feliz e cheia de amor

 

cropped-screen-shot-2018-07-19-at-13-35-39

 

 

 

 

 

Carta ao Pai Natal

santa-claus-1819933_1920

Imagem https://pixabay.com/pt/users/Couleur

O Espírito de Natal deveria ser sentido por todos, não só pelas crianças.

Sem duvida que elas, vivem esta altura de forma apaixonante e nós adultos temos um papel importantíssimo na construção dessa magia.

É nosso dever passar-lhes de forma verdadeira, o que se vive nesta época . Ensinar-lhes que o Natal não são só os presentes, mas também, histórias, musicas, cheiros, experiências , partilha e família.

Estamos quase a iniciar o mês da magia… e de certo já têm os vossos filhos ansiosos com tudo o que vem por aí.

Para vos ajudar , criámos esta carta ao Pai Natal :

  • Na primeira folha, tem um formulário para que eles possam escrever a carta
  • Na segunda folha, tem um espaço para o desenho que eles vão fazer

Para tornar tudo mais especial, deixamos umas questões no final da segunda folha, para que vocês pais, possam responder se o Pai Natal recebeu o leite e bolachas que os vossos filhos deixaram na noite de 24 ( sem que eles vejam claro,  aproveitem no momento em que vão colocar os presentes na árvore)

Deixem uma mensagem para eles, como se tivesse sido o Pai Natal a escrever-lhes.

Há magia maior que esta !!! Os vossos filhos vão adorar e desta forma , constroem-se memórias de Natal e estimula-se a criatividade da criança.

Não esqueçam o lado da partilha e da solidariedade, e se tiverem brinquedos a mais lá por casa , entreguem-nos em instituições para outras crianças.

Deixamos aqui, nomes de algumas instituições que podem receber essas doações:

  • Aldeias de crianças SOS
  • Ajuda de Mãe
  • Plataforma dar e receber
  • IPO de Lisboa e Porto

Que se inicie esta época, com muito Amor e carinho para com os outros

Carta ao Pai Natal

cropped-screen-shot-2018-07-19-at-13-35-39

 

 

 

A festa que os seus filhos não irão esquecer!

IMG_20190629_145250

Os aniversários de hoje são, cada vez mais, trabalhados ao pormenor para convidar a criança a entrar no mundo da sua imaginação.

A Beatriz, teve a sua primeira festa de aniversário temática, aos nove anos. Celebrou os outros aniversários ? Claro que sim… Mas este ano a mãe decidiu surpreende-la com algo que ela já esperava há muito.

Durante o processo de planeamento da festa , a mãe relatou-nos, que a Beatriz andava super curiosa com o que iríamos preparar para o seu dia.

Por vezes, pedia para visitar o nosso site e junto à irmã mais velha , imaginava como tudo ficaria.

Vamos nos lembrar com carinho, o dia em que a conhecemos…sorridente, com felicidade nos olhos e uma alegria contagiante.

Claro que quando chegou, viu todos os detalhes ao pormenor …sentimos a felicidade dela em cada gesto , em cada palavra que dirigia quer a nós , quer à mãe.

Até o Bruno , nosso elemento de equipa , saltou com ela à corda, antes dos convidados chegarem…um momento divertido que não irei esquecer.

A nota final: foi um agradecimento sincero, de que tinha adorado a sua primeira festa temática.

Um dia mais tarde a Beatriz irá lembrar- se desta festa? …

Talvez! … De certo não irá esquecer, que em todos os momentos da sua vida ,teve a presença da mãe , da irmã e restantes familiares.

Irá recordar de como eram os seus dias, dos costumes de família, dos conselhos da mãe e da irmã , do pão com manteiga que adora …

Nunca irá esquecer a PRESENÇA de quem a ama.

As fotografias poderão comprovar o que viveu nos aniversários, mas o que realmente fica é o amor! Amor que se intensifica com as experiências da vida.

Desejamos a pequena Beatriz e toda a família , a maior das felicidades 🙂

cropped-screen-shot-2018-07-19-at-13-35-39

 

Crescer e viver com Amor

e10b0c9c-273a-43d9-b605-a1d1f4a7b97b

Os primeiros aniversários são sempre inesquecíveis e para nós é um privilégio poder participar desse momento.

Conhecemos o Nuno e a Cintia há pouco tempo , mas rapidamente nos apaixonámos pela forma linda, como crescem em Amor, junto com o filho William, que celebrou o 1º aniversário no dia 7 de Julho, às 14 horas.

Desde o primeiro momento percebemos que esta, era uma família Celebr´Amor !

Adorámos, ouvir os detalhes da história deste jovem casal e todos os pequenos “grandes” pormenores que os levaram a formar uma família fantástica , já com o segundo menino a caminho.

O Amor é simples e é o grande motor da vida … e foi isso que presenciamos desde o primeiro momento que os conhecemos.

burst

O tema Mickey Pirata foi  escolhido, porque o William adora o personagem e a personalidade dele é forte como a de um pirata! Corajoso, astuto e com uns olhos negros , lindíssimos.

Usámos para este tema, os tons de vermelho, azul e dourado que combinaram na perfeição. Na arca do tesouro, colocámos os personalizados da nossa parceira @Bellacriacoeslisboa …que estavam lindos!

A @mobichic.pt trouxe-nos o mobiliário fantástico, que deu o tom de sofisticação e realismo à festa.

O Polvo, foi elaborado pelo meu marido Bruno e companheiro do projecto Celebr´Amor . Um segredo… ahah … ele gostou tanto, que acho que se vai dedicar aos balões 🙂

O doces e o bolo de aniversário, estavam magníficos e deram sentido a toda a decoração.

Foi um trabalho que nos deu imenso gosto de fazer , principalmente porque esta família é um exemplo de que o Amor e a felicidade, são o caminho para um crescimento saudável.

Abençoado William por ter nascido nesta família.

Obrigada aos parceiros que nos ajudaram neste projecto, ao casal Nuno e Cintia,  por nos terem escolhido , pela sinceridade em todas as conversas e por terem-nos recebido tão bem em vossa casa.

Muitas felicidades e continuem a ser quem são!

 

Crianças sensíveis

burst

A sensibilidade consiste na capacidade perceptiva sensorial relativamente às emoções, sentimentos ou sensações físicas.

Percebemos que as crianças são mais sensíveis quando são mais afectuosas, quando reagem com sensibilidade às músicas, aos cheiros, aromas, cores em momentos do seu dia a dia e quando sentem empatia com os sentimentos das outras pessoas.

A Rita é uma menina assim… meiga e atenta ao que a rodeia e com um sorriso fantástico.

Quando chegamos para decorar a festa, acenou com alegria da janela do seu quarto e sorriu.

Depois de decorarmos a mesa, com o tema coelhinho branco, ela aproximou-se timidamente, observou todos os detalhes que a compunham e fez várias perguntas :

_ “Que lindo doce é este? Como fizeram este pompom? Os balões são para mim? ”

Observava e tocava com delicadeza nos pormenores e sorria feliz e sensível ao que via… Era a sua festa! Era o seu dia!

De certo a Rita vai guardar no seu coração e memória os aromas e sabores desse dia, as pessoas que estiveram com ela, as brincadeiras, o soprar da vela junto à mãe…

É bom celebrar a vida com a sensibilidade de uma criança e gerar mais sentimentos de amor no mundo, porque a Rita agora com 9 anos será de certo, um adulto mais feliz e completo daqui a alguns anos 😊

Felicidades à Rita e à toda a família… Vocês são uma família Celebramor

Obrigada

Screen Shot 2018-07-19 at 13.35.39

No Natal, a comida tem um sabor diferente!

Esta é para mim, a altura do ano mais bonita!

Por isso decidi escrever-vos hoje, acerca dos meus natais de infância. Sou de uma família grande, a mais velha de cinco irmãos e o Natal não é mais um dia no calendário…É A DATA QUE MAIS ADORAMOS CELEBRAR… principalmente porque os nossos pais e avós souberam transmitir-nos o simbolismo do Natal, o que é sentirmos o coração mais quente e feliz por estarmos todos juntos e com os que amamos.

O Natal da minha infância foi cheio de magia e encanto, lembro até hoje a sensação boa, de chegarmos a casa da avó velhinha (minha bisavó) e da avó Alice (na foto), subirmos as escadas a correr, e recebermos aquele abraço doce e sorriso acolhedor que nos enchia a alma (que saudades desses tempos) beijos e mais beijos e uhhmm…

aquele aroma delicioso…cheiro a doce do arroz doce,aletria e rabanadas ou fatias paridas como a minha avó chamava e o cheiro do jantar mais saboroso do ano, bacalhau e couves. 

Sempre muito curiosos eu e os meus irmãos íamos para a cozinha ver os preparativos da ceia, ouvir as conversas dos mais velhos e rir com algumas histórias divertidas de natais passados e outras menos felizes, onde as avós se lembravam de quem já tinha partido e lá soltavam uma ou outra lágrima com as saudades.

Rapidamente voltavam a alegrar-se , com a nossa corrida até à porta para irmos receber o vizinho Zé , rapaz da nossa idade que todos os anos lá ia para comer um prato de arroz doce da minha avó. No final , abraçava-a feliz, com mais uns pratos para levar para casa e desejava-nos um natal feliz.

A partir daí a campainha tocava uma e outra vez para receber tios e primos e assim se começava a compor a nossa noite de natal. 

A mesa era cheia de pessoas, de tempo , de histórias e de afeto. Na época não existiam telemóveis, nem portáteis, não havia nada que nos tirasse a atenção naquele momento, por isso naquela noite tudo tinha um sabor diferente e repetíamos sempre a mesma afirmação: “No natal a comida tem um sabor diferente” …Tem sim um sabor a família, a união, a calor humano  e a verdade! 

Enquanto jantava recordo-me muitas vezes de pensar e pedir sempre o mesmo desejo, que para o ano, todos tivéssemos  ali de novo, com saúde, naquela saudável confusão de famílias grandes.

Passados anos, o núcleo familiar alterou-se, mas o sentimento é o mesmo…sentimos gratidão pelos que já foram, gratidão por terem deixado um legado tão bom e verdadeiro.

Que o nosso espírito de natal  permaneça muitos mais anos…enquanto houver na família, alguém que o passe, saberão que esta é a época para que as pessoas não se esqueçam, de que devem amar mais, partilhar mais e dar mais do seu tempo aos outros, neste dia e no resto do ano. Esta é a melhor homenagem que podemos fazer às nossas avós. 

Hoje continuamos a transmitir isso às crianças na família. O que realmente importa nesta altura do ano é criarmos memórias que os fortaleçam como seres humanos, que os façam sentir amados e felizes.  Sou muito grata pela família que tive e que tenho , grata por ter vivido o que vivi, mesmo sabendo que infelizmente, muitos não têm essa sorte!

E vocês, que memorias têm e que gostariam de partilhar?

Estamos aqui para o “ler”!

Desejamos-lhe um feliz e santo natal !

Uma das nossas decorações de Natal

  

 

Criatividade na Infância

DSCF81790

Sabia que a criatividade e espontaneidade perde-se com a idade?

As crianças são como esponjas que absorvem tudo o que as rodeia, por isso é tão importante que os adultos as ajudem a desenvolver o seu lado criativo com as mais variadas brincadeiras e não só!

Deixem-me contar-vos, porque coloquei esta fotografia no inicio desta conversa…

Esta foi a festa de um dos meus sobrinhos, o Tiago, que fez o ano passado 10 anos.

O Tiago sempre foi um menino inteligente, desenrascado , criativo e a prova está nesta festa que apesar de ter tido a nossa ajuda na execução, foi totalmente imaginada por ele.

Um mês antes do seu aniversário, telefonou-me, para me falar do tema que gostaria de ter na festa…”Regular show” !!! Como assim??? Que tema é esse??? Numa breve conversa explicou-me do que se tratava e começou a desenhar com palavras, aquilo que pretendia ter na mesa.

Quando desliguei o telefone, estava super orgulhosa do Tiago. Um miúdo com 10 anos a criar detalhes para uma mesa decorada…achei fantástico! O bolo, as ofertas e os doces foram pensados por ele. Durante esse mês a sua dedicação ao projecto foi total. No dia do seu aniversário, levava até à mesa as crianças convidadas, e vaidoso contava que tinha sido ele a ajudar a tia a decorar a mesa…fiquei derretida a observá-lo!

DSCF8181

Esta é sem dúvida uma forma de deixar as crianças serem criativas! Não acha?

Na próxima festa que tenha que fazer para o seu filho, dê-lhe a liberdade de criar , de imaginar e pergunte-lhe como gostaria de fazer a festa, que brincadeiras gostaria de fazer nesse dia.

Pode ter a certeza que se vai surpreender, tanto ou mais do que eu, porque as crianças são sem duvida seres fantásticos!

cropped-screen-shot-2018-07-19-at-13-35-39

Alimentação saudável em festas infantis

zIMG_3632.JPG

Foto: @emcontraluz.fotografia

Cada vez mais os pais procuram incutir hábitos de alimentação saudável aos seus filhos mas, por inúmeras razões, nem sempre é tarefa fácil. Num mundo cada vez mais acelerado e com ofertas constantes em cada esquina, torna-se fácil as crianças ganharem gosto aos mais variados doces.

O que acontece nas festas infantis?

É-lhes oferecido uma panóplia de doces, que deixa qualquer criança eufórica. Podemos até pensar, que aniversário é uma vez por ano e que não tem problema, mas não é bem assim… hoje em dia, é raro o fim de semana em que uma criança em idade escolar, não receba um convite para uma festa de um amigo ou familiar.

O que fazer nestas situações?

Para tornar uma mesa de alimentos saudáveis, tão atractiva quanto uma mesa cheia de guloseimas, devemos abusar na cor dos alimentos, na variedade dos mesmos e no uso de  porções mais pequenas, que permitam a criança comer de forma rápida para gastar as suas energias nas brincadeiras.

Nas mesas da Celebr´Amor nunca falta a fruta , que pode ser apresentada de diversas formas: em espetadas ,com a fruta recortada com o desenho do tema da festa, em copos transparentes que apresentem a fruta por cor, na forma de gelado ( iogurte grego com fruta colorida, misturado no próprio copo de iogurte e levado ao congelador com um pauzinho de gelado).

feature-header9

(Imagem retirada da net)

Tem as opções de batata doce cortada em fatias finas, feitas no forno, em substituição das batatas fritas. Palitos de cenoura e pepino que poderão envolver num molho super fácil de fazer: misturar um pouco de queijo quark e iogurte grego, com uma folhinha de manjericão picada, raspa de limão e oregãos (opcional)…maravilhoso!

Podem usar e abusar de pratos decorados com tomate cereja e mozarela. Ou mesmo fazer uma estação, com umas folhas de wrap, alface, tomate cereja, queijo quark, atum ou fiambre de peru e deixar que sejam as crianças a fazer o seu próprio lanche. É divertido e eles adoram colocar as mãos na massa ( indicado para crianças acima dos 6 anos).

As pipocas podem ser feitas em casa sem açúcar e envolvidas em chocolate com 85% de cacau , tal como algumas frutas que poderão ser banhadas como um cake pop e cobertas com alguns frutos secos picados, por exemplo.

Em relação às bebidas pode optar por águas aromatizadas com fruta, ou limonada caseira adoçada com um pouco de mel.

O bolo de aniversário pode também ser feito com alimentos mais saudáveis, usar açúcar de coco por exemplo, cacau em vez de chocolate, farinha de aveia ou amêndoa. Na Celebr´Amor temos alguns parceiros que nos ajudam nessa tarefa, porque o bolo é sempre o rei da festa.

E o que oferecer às crianças convidadas ?

Para fugir à tradicional goma ou bolacha decorada, tem opções como pacotinhos com bolachas saudáveis personalizados com o tema da festa , frascos de bolas de sabão personalizadas, etc.

Se precisar de ajuda, conte connosco!

Depois de nos termos alongado neste assunto, gostaríamos de saber que opinião tem em relação a este tema. Acha que se deve “fechar os olhos” em dias de festa ou concorda que se deve começar a fazer pequenas alterações?

cropped-screen-shot-2018-07-19-at-13-35-39

 

 

 

 

O canto da sereia

Love&Photography | www.imaginelovephoto.com

Metade mulher , metade peixe, as Sereias eram seres da mitologia Grega, que seduziam com o seu canto, os audazes marinheiros e piratas.

Donas de várias lendas, transmitem mistério, magia e sonho…sonhos que se guardam no profundo do coração, no profundo dos mares…

Quase todas as meninas sonham com uma festa assim, delicada e envolvente que as transporte, para as mais lindas histórias de encantar. Afinal quando se é pequenino tudo é mágico, uma descoberta, um sonho…lamentavelmente com o tempo perde-se um pouco de tudo isso. A vida assim o faz!

Love&Photography | www.imaginelovephoto.com

 

Nós temos muitos sonhos…um deles é transmitir a magia, o sonho e não deixar que eles morram. Através dos nossos pequenos clientes, essa tarefa torna-se fácil. Em cada mesa que fazemos, voltamos às memórias de criança e à descoberta de novas coisas.

É tão importante, não perdermos os nossos sonhos e no meio dos nossos dias atarefados, tirarmos um segundo para pensarmos neles.

O que queremos desta vida? Para onde queremos ir? O que gostamos de fazer? Com quem gostamos de conviver? O que realmente importa? O que ainda não fizemos, que queremos fazer?

Permita-se sonhar e transmitir aos mais pequenos esse poder fantástico que o ser humano tem.

Decoração: Celebr´Amor

Bolos e doces: Fada dos Doces

Fotografia: https://www.imaginelovephoto.com/

cropped-screen-shot-2018-07-19-at-13-35-39